Quando a produtividade não é o mais importante

Cavicchioli Treinamentos - Cartórios

Artigo Arpen Excelência na Qualidade – Maio de 2009

Dias atrás, numa dessas manhãs de céu azul, luminoso, temperatura amena,   típicas  de outono, visitei  uma empresa na região da Grande São Paulo para apresentar um treinamento na área de Gestão de Pessoas e Qualidade.

Enquanto esperava na recepção para ser atendido, observei dois rapazes trabalhando num jardim que decorava um pátio interno da empresa. Os dois, com uniforme da empresa, muito alegres,  mesmo abaixados trabalhando na limpeza de um gramado muito bem cuidado, educados, me deram um bom dia daqueles que fazem a diferença. Sabe aquele bom dia, no tom de voz estimulante, que  realmente torna seu dia melhor?

No entanto, observei que os jovens trabalhavam num ritmo mais lento e demonstravam certa dificuldade no manuseio da terra e das ferramentas de jardinagem.

Não demorei em perceber que estava diante de uma iniciativa notável por parte dessa empresa. A iniciativa da inclusão  de pessoas com deficiência em atividades profissionais. Puro exercício de cidadania.

Como os dois rapazes jardineiros, é evidente que recrutar e capacitar pessoas,  para exercerem atividades profissionais requer trabalho árduo, de qualidade, de pessoal especializado das áreas de assistência social e médica.

Chamou-me a atenção a motivação que aparentavam no desempenho das tarefas, no zelo, não comum entre profissionais ditos produtivos.

A produtividade ali não era o mais importante. Tenho certeza de que são inúmeras as possibilidades para a inclusão social de pessoas com deficiência, seja esta física, visual, auditiva ou intelectual. Dependerá, entretanto de adotarmos uma visão holística das pessoas assistidas e focar suas eficiências.

Além da acessibilidade já aplicada às serventias, por que não pensar em futuro próximo acrescentar como requisito da qualidade a disponibilização de vagas para a inclusão social de pessoas como os dois produtivos jardineiros.

IV Prêmio da Qualidade

Está em fase de preparação o IV  Prêmio da Qualidade de 2009.

Grande oportunidade e desafio para  sua serventia aperfeiçoar a qualidade no atendimento, aprimorar as competências dos  funcionários e orgulhar-se de participar de evento tão importante, que a cada ano contribui para elevar os padrões de qualidade de todo o Registro Civil Paulista.

Gilberto Cavicchioli